autenticação

ENTRAR

o mecanismo de autenticação federativa garante que as credenciais nunca são disponibilizadas a entidades externas. (integrado com o utilizador universal UA)
(mais informação)
Sistema de Garantia da Qualidade do Ensino

A partir de meados da década de noventa, a UA colocou as questões da qualidade como uma prioridade institucional, dando passos no sentido da promoção de uma cultura da qualidade na Universidade.

O Sistema de Garantia da Qualidade do Processo de Ensino Aprendizagem na UA (SGQ_ensino) é a parte do Sistema Interno de Garantia da Qualidade (SIGQ) que porventura cobre uma das mais complexas atividades das universidades - o processo de ensino-aprendizagem.

O impulso inicial no desenvolvimento do SGQ_ensino surge na sequência de profundas alterações no sistema de ensino superior em Portugal (a implementação do Processo de Bolonha, a aprovação do Regime Jurídico da Avaliação do Ensino Superior e a criação da Agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior), e dos resultados do último processo de avaliação externa, pela European University Association, a que a UA se submeteu em 2007, que apontaram para a necessidade de reforçar os mecanismos de garantia da qualidade.

Desde então, a UA tem vindo a consolidar o seu SIGQ, desenvolvendo os mecanismos que garantam a melhoria contínua dos processos internos de funcionamento da instituição, com resultados efetivos na melhoria da qualidade do ensino.

Desta forma, o SGQ_ensino reproduz os mecanismos para monitorização do funcionamento da função de ensino-aprendizagem, abrangendo todos os níveis de formação (desde os CTESP até ao 3ºciclo), partindo da base da estrutura – a unidade curricular, passando pelo curso e unidade orgânica, até ao nível da instituição como um todo.
notícias
Está aberto concurso documental, de âmbito internacional, para recrutamento de um posto de trabalho de Professor Auxiliar, para a área disciplinar de Educação, subárea de Didática e Tecnologia Educativa, área de especialização em Didática das Línguas, em regime de contrato de trabalho por tempo indeterminado. Candidaturas até 14 de agosto.
UA disponibiliza 14 CTeSP para o ano letivo 2017-2018A primeira pergunta que os diretores de curso fazem ao estudante após a formação em sala de aula de um Curso Técnico Superior Profissional (CTeSP) na Universidade de Aveiro (UA) é: “Onde gostaria de estagiar?”. O estágio segue um plano de trabalhos definido e articulado com as necessidades da entidade de acolhimento, no âmbito de atividades que se enquadram nos objetivos principais de cada curso. Um número significativo de finalistas destes cursos superiores de três Escolas Politécnicas da UA (ESTGA, ESAN, ISCA-UA) estreiam-se este ano no mercado de trabalho. E as perspetivas são boas!